Publicado em 06 de jan de 2018 por Mayara Armstrong

O segundo dia oficial do evento, na CCXP – Comic Con Experience 2017 foi marcado por atrações no Auditório Cinemark.

Depois de conhecer o evento na Spoiler Night – você pode ler sobre aqui – e o primeiro dia oficial, fomos conferir as atrações do auditório principal no segundo dia. Aqui, iremos ressaltar um pouco dos destaques do dia. Tudo começou com uma belíssima homenagem à Fernanda Montenegro, de emocionar qualquer um dos presentes. Conto nos dedos as vezes que chorei durante a Comic Con, e ver a Fernanda ali, de pertinho, dando um show sobre empoderamento feminino e girl power, com certeza, foi uma das vezes que me arrepiou e me emocionou muito. A atriz, ao entrar, se deparou com a grande multidão presente, a ovacionando, logo caiu em prantos. Discursou sobre toda sua trajetoria, seja nos teatros, telinhas ou telonas.

Vimos uma retrospectiva de suas atuações em forma de vídeo. A atriz, com toda sua bagagem e sabedoria, nos deu uma grande lição de vida. Fernanda, constantemente, se emocionada e ressaltava o quanto estava feliz estando na CCXP e recebendo essa homenagem – algo lindo de presenciar. Ela ainda ressaltou os herois que marcaram sua vida, tais como: Flash Gordan; o Fantasma; Príncipe Submario e Jeca Tatu.

Confira um pouco da homenagem:

Logo após, foi a vez do Painel de 55 anos do Homem Aranha, com Humberto Ramos, um dos quadrinistas mais conhecidos do Universo Cinematográfico da Marvel. O painel foi polêmico! Humberto frisou o quanto não estava contente com a representação do Homem Aranha de Tom Holland, pois não retratava muito bem a essência do Aranha, diferente da atuação de Andrew Garfield. Este ultimo, o desenhista ressaltou o quanto queria seu retorno no papel, praticamente implorando para a Marvel trazer Garfield novamente.

E teve muito mais…

Em seguida, foi a vez da comemoração de dois anos da assinatura do Omelete Box, a equipe subiu ao palco para elencar desafios e oportunidades que tiveram durante esse período, bem como anunciar novidades para 2018. Os próximos dois paineis foram uma grande inspiração para o publico: Nos ensinando a persistir em nossos sonhos. Primeiro foi com Arthur Adams, o ilustrador e escritor da Marvel. Ele contou que trabalhava em uma pizzaria, e, quando foi solicitado para enviar suas ilustrações para a empresa, rapidamente desenhou os heróis lavando pratos, atitude que acabou o fazendo ser aceito por seu talento e criatividade. O segundo, foi do Ranger Vermelho, Austin St. John, original de Mighty Morphin Power Rangers. O ator contou que viu sobre a vaga em um jornal local, e, desacreditado, chegou a apostar com os amigos que não conseguiria o papel.

VEJA TAMBÉM!

 

Depois foi a vez do painel da Globo, com as atrizes Bruna Marquezine, Marina Ruy Barbosa e Tatá Werneck, para anunciar a nova novela das sete, Deus Salve o Rei. Todas, logo se emocionaram ao ver a multidão que as aguardada, Bruna Marquezine chegou até a chorar. Foi muito interessante ver toda a produção e bastidores da novela. Conhecer os efeitos especiais da primeira novela medieval da TV Globo e admirar o grande potencial que o Brasil tem na área foi de impressionar. As filmagens foram em sete países diferentes, e cada atriz falou no que se inspirou ou como se preparou para o papel, citaram como referência série como Game of Thrones e Vikings.

Bruna e Marina ressaltaram que, apesar das referências, a novela será única, diferente de tudo que já foi feito. Além disso, as três atrizes convidaram pessoas ao palco para ensinar os passos de danças que aprenderam. Tatá, como sempre, não perdeu o ar da sua graça e levou o auditório inteiro aos risos com sua excelente capacidade de raciocínio rápido e improvisação, até improvisou um “funk medieval” em que Bruna e Marina dançaram. Ao final do painel, as atrizes atenderam aos fãs, deram autógrafos e tiraram fotos.

Confira uma parte da dança:

Por fim, mas não menos importante, foi a vez da 20th Century Fox. O Painel da Fox na CCXP apresentou novidades exclusivas de muitos filmes, começando por uma sequência de vídeos  de lançamentos como a versão em live action de Alita: Anjo de Combate, com a ilustre presença do diretor Robert Rodriguez. O diretor falou algumas curiosidades sobre o filme, principalmente quanto as produções de Alita e o que a personagem representava ao público. Seguido de trailers/teasers exclusivos de O Rei do Show, O Touro Ferdinando – com direito da presença de Maisa, que dubla nacionalmente Nina, e Thalita Carauta como Lupe. Infelizmente o voo do Otaviano Costa, que dubla o cavalo Hans, atrasou e o mesmo não se fez presente no painel –, A Forma da Água – este anunciado pelo próprio Guillermo del Toro – e Deadpool 2.

Confira o trailer de Alita: Anjo de Combate:

Mas não foi apenas isso, a parte mais aguardada do painel ainda estava por vir: A presença de Dylan O’Brien para divulgar Maze Runner: A Cura Mortal. Quando o ator entrou, foi recebido aos berros pelo publico, e era só Dylan tentar falar qualquer coisa, que a plateia o interrompia aos gritos. O ator falou sobre seu personagem na saga, e até um pouco sobre o amor que sente por Stiles Stilinski, na série Teen Wolf, já que Stiles foi seu primeiro personagem marcante e duradouro. O ator até ganhou uma camiseta da Seleção Brasileira de uma da plateia.

Antes de sair do palco, o ator anunciou a exibição dos 15 primeiros minutos do filme, Maze Runner: A Cura Mortal. Obviamente, o terceiro filme começa a partir dos acontecimentos de A Prova de Fogo. Onde Thomas e seu grupo tentam salvar demais membros da equipe que foram capturados: Cena com muitos tiros, luta, tensão e adrenalina.

Confira uma parte da entrevista com o ator:

Para fechar o dia no auditório, os brasileiros Alice Braga e Henry Zaga subiram ao palco ao lado do diretor Josh Boone, o roteirista Knate Lee e o quadrinista Bill Sienkiewicz para promover o spin-off de X-Men, Os Novos Mutantes. Trouxeram diversas curiosidades para os fãs, vídeos exclusivos e deixaram em aberto a possibilidade do spin-off ter um crossover com os filmes dos mutantes.

E tudo isso foi apenas o segundo dia vivendo o épico na CCXP!

Comentários

Este artigo não possui comentários

”Mulher