Publicado em 31 de mar de 2017 por Tamires Arsenio

A décima temporada de Doctor Who, que estreia no próximo dia 15, trará a primeira companion regular abertamente homossexual. A atriz Pearl Mackie, interprete da nova companheira de viagens do Doutor, Bill Potts, revelou que a personagem é lésbica.

“Sim Bill é gay. Isso não deveria ser nada de mais no século 21. Já era a hora, não é?. Essa representatividade é importante, especialmente em uma série popular” – Pearl Mackie

Apesar de já ter apresentado personagens recorrentes gays, bi ou pansexuais, como o casal Madame Vastra (Neve McIntosh) e Jenny Flint (Catrin Stewart), River Song (Alex Kingston) ou o capitão Jack Harkness (John Barrowman), nenhum deles era de fato um companion regular. Este último chegou inclusive a protagonizar o spinoff Torchwood, com um pouco mais de diversidade sexual. Para a série principal, no entanto, isso é um grande passo.

Vastra e Jenny, Jack Harkness, River Song e Clara Oswald

Vale lembrar também que a companion antecessora de Bill, Clara Oswald (Jenna Coleman), apesar de ter diversas insinuações quanto à sua sexualidade, não chegou a ser declarada como bissexual. Já a homossexualidade de Bill não apenas será falada, como uma menção a ela surge já no primeiro episódio. De acordo com a BBC, “logo na segunda fala da personagem”. Mackie ainda falou um pouco mais sobre o assunto:

“É importante dizer que pessoas são gays, que pessoas são negras – há aliens no mundo também, então cuidado com eles. Eu me lembro de assistir TV como uma jovem miscigenada e não lembro de ver muitas pessoas parecidas comigo, então acho que poder se reconhecer visualmente na tela é importante. [Ser gay] não é a característica que define a personagem, mas algo que faz parte dela e com a qual ela está muito feliz e confortável”.

 

Comentários

Este artigo não possui comentários

”Mulher