Publicado em 31 de ago de 2017 por Mayara Armstrong

Atômica

20171 h 55 min
Overview

O comunismo está em colapso e em breve o Muro de Berlim virá irá abaixo com ele. Duas semanas antes, um oficial MI6 disfarçado, foi morto em Berlim e estava carregado de informações de uma fonte no Oriente, uma lista que supostamente contém o nome de cada agente de espionagem que trabalha em Berlim. Agora, Lorraine Broughton, uma espia experiente sem vínculos pré-existentes em Berlim, foi enviada para este barril de pólvora de agitação social, contra-espionagem, deserções e assassinatos secretos, para recuperar a lista e proteger as identidades e vidas dos agentes.

Metadata
Director David Leitch
Runtime 1 h 55 min
Release Date 26 julho 2017
IMDb Id tt2406566

Atomic Blonde quebra tabus até no título, em tradução literal: Loira Atômica. O filme é baseado na edição dos quadrinhos de The Coldest City, de Antony Jonston e Sam Hart, contando a história de uma espiã que vai em busca de uma lista com nomes de agentes duplos.

Somos apresentados a Lorraine Broughton (Charlize Theron), uma agente disfarçada do MI6, serviço secreto britânico. Ela é enviada para Berlim Oriental durante a Guerra Fria, pouco antes da queda do murro de Berlim, sua missão é recuperar uma lista perdida com nomes de agentes duplos britânicos, assim como ela, enquanto, investiga o assassinato de um oficial do MI6 que protegia a lista para não cair em mãos inimigas e resultar na morte dos agentes. Nova na cidade e sem muitos contatos, Lorraine tem como chefe da localidade, David Percival (James McAvoy), um infiltrado da região que não aparenta levar as coisas muito a sério, motivo este que faz sua lealdade ser frequentemente questionada.

Image from the movie "Atomic Blonde: Agente Especial"

© 2017 Denver and Delilah Productions − All right reserved.

A narração do filme é feita em forma de flashback, período que possibilita o/a telespectador/a entender um pouco mais da história, além de diminuir a adrenalina vivenciada. Cenas de suspense, mistério, mentiras e muita ação se mesclam com as cenas atuais, filmadas em uma sala de interrogatório, onde Lorraine relata sua trajetória desde sua chegada em Berlim para seus superiores do serviço secreto.

Charlize Theron, possui um histório cinematográfico que faz jus a sua atual personagem: Mulher independente, decidida e emponderada, caracteristicas que tornam Lorraine mais um icône feminista em sua lista de interpretações. Charlize consegue retratar muito bem a forçaresiliência desenvolvida de sua personagem, esta que, por exemplo, permanece constantemente submersa em uma banheira com gelo afim aguçar suas potencialidades. Sua atuação é intensa, mesmo em poucas palavras e minimas expressões faciais, a atriz usa muito da linguagem corporal para demonstrar suspense, desconfiança, veracidade, muita sensualidade, e, as vezes, momentos de fragilidade, resgatando a humanidade da personagem calculista que sempre está com um copo de vodka e gelo na mão.

Um dos grandes pontos altos do filme é, sem dúvidas, sua edição. Atômica é muito bem editado, mesmo em cenas de lutas, os cortes são tão sutis que transmite a impressão de serem filmados em um único plano sequência. Entre socos, chutes, tiros, sangue e hematomas, o desenvolvimento das cenas – principalmente as cenas de ação – é tão bem elaborado, desde gemidos realistas à aparecimento gradativo de hematomas que chega a transmitir dor e constrangimento ao telespectador/a.

Image from the movie "Atomic Blonde: Agente Especial"

© 2017 Denver and Delilah Productions − All right reserved.

David Leitch (V de Vingança; John Wick) nos entrega um filme com um visual excelente, a fotografia, o cenário, e o figurino se unem em uma combinação harmonioza com o movimento acelerado em tela. A trilha sonora, composta com sucessos dos anos 80, exemplifica ainda mais os detalhes das cenas, sempre com alguma letra e ritmo enfático para tal situação.

Apelativo em raras cenas de perseguição, com uma história densa e mais complexa ao entendimento, Atômica apresenta doses certas de ação, suspense, intensidade, sensualidade e irônia, caracterizando-se por ser um filme representativo necessário do gênero que possui identidade própria e não merece ser comparado a filmes com protagonistas homens.

Comentários

Este artigo não possui comentários

”Mulher