Publicado em 09 de ago de 2018 por PH Nascimento

A novela James Gunn está longe de acabar. De acordo com o site Deadline, a Marvel Studios deseja a volta do diretor demitido após a revelação de tuítes polêmicos. Logo depois da demissão, o elenco do filme apoiou Gunn e divulgou uma carta aberta em seu favor. A partir deste momento, houve um racha entre as equipes dos dois estúdios.

Há dois pontos que são levados em conta nesta disputa. Com a volta do diretor, o longa voltaria a seguir a previsão inicial de começar a produção no início de 2019 e estrear em 2020. Mas, por outro lado, os tuítes com conteúdo pedófilo de James Gunn são considerados inaceitáveis pela Disney. O mais provável é que a decisão primária se mantenha, entretanto é importante aguardar os próximos capítulos.

LEIA MAIS:

+ Disney bate o pé e toma decisão sobre demissão de James Gunn

Comentários

Este artigo não possui comentários

”Mulher