Publicado em 08 de jul de 2022 por Mayara Armstrong

O longa, que teve estreia mundial no Festival de Sundance faz parte da mostra competitiva.

Depois de sua estreia internacional muito bem sucedida no Festival de Sundance, em janeiro, MARTE UM, de Gabriel Martins, estreia no Brasil. O longa, que já foi exibidor em 25 Festivais, foi selecionado para mostra competitiva do Festival de Gramado, que acontece entre 12 e 20 de agosto, e depois chegará em circuito nacional, com distribuição da Embaúba Filmes, no dia 25 de agosto. A produção é assinada pela Filmes de Plástico, e é coproduzido pelo Canal Brasil.

“É uma alegria imensa participar de um festival com uma longa história que já recebeu tantos filmes importantes. Esta será a primeira exibição no Brasil e isso marca o início de um novo ciclo de vários encontros que este filme nos proporcionou. Eu, elenco e equipe estamos ansiosos para celebrar o filme e viver na sala de cinema as emoções que criamos juntos.”, diz o diretor Gabriel Martins.

MARTE UM é o segundo longa do cineasta (o primeiro solo, sem a parceria de Maurilio Martins, com quem fez “No coração do mundo”), e tem, como um de seus temas centrais, a realização de um sonho infantil.

O filme traz o cotidiano de uma família periférica, nos últimos meses de 2018, pouco depois das eleições presidenciais. O garoto Deivid (Cícero Lucas), o caçula da família Martins, sonha em ser astrofísico, e participar de uma missão que em 2030 irá colonizar o planeta vermelho. Morando na periferia de um grande centro urbano, não há muitas chances para isso, mas mesmo assim, ele não desiste. Passa horas assistindo vídeos e palestras sobre astronomia na internet.

Sinopse:

Os Martins são sonhadores e otimistas, e levam tranquilamente às margens de uma grande cidade brasileira depois da decepção da eleição de um presidente de extrema-direita. Uma família negra de classe média baixa, eles sentem a tensão da nova realidade enquanto baixa a poeira política. Tércia, a mãe, reinterpreta seu mundo depois de um encontro inesperado que a deixa em dúvida se foi amaldiçoada. Seu marido, Wellingon, coloca todas suas esperanças na carreira como jogador de futebol do filho caçula, Deivinho, que acompanha a ambição do pai com relutância, pois sonha em estudar astrofísica e colonizar Marte. Enquanto isso, a filha mais velha, Eunice, se apaixona por uma jovem de espírito livre, e se questiona se não está na hora de sair de casa.

Marte Um estreia nos cinemas de todo o Brasil dia 25 de agosto.

Comentários

Este artigo não possui comentários
”Mulher